05/11/2008

Sobre viventes

Sobrevivem versos
de poemas esquecidos,
livres, à margem dos livros


Ressuscitam poetas
de motes vividos,

presos, dentro dos vivos

Nascem filósofos
de resumos lidos,
imunes, acima dos crivos

3 comentários:

Paula Raposo disse...

Gostei!!! Beijos.

MarTIC@ disse...

Saudações cordiais, aos sobre viventes!

X@u

Menina_marota disse...

Espero que não te importes que tenha colocado este Poema no Club dos Poetas Vivos, no Facebook.

Para além de que levei também "emprestada" uma imagem com um poema teu que vou igualemente lá colocar.

Bj