24/11/2007

Partir

Parar para pensar
Apetece-me partir
Levar a saudade comigo
Da paixão, do irmão e do amigo
Terra solta sem raízes
Onde se funde o cimento
A luz esconde os rostos
Ofusca o pensamento
Ocultos edifícios
Infinitas paredes
Sombra isolada
Dos amigos fiéis
Os outros, ausentes
Injusta presença
Gestão danosa
Da agenda de afectos
Seres obtusos
Ignorar regras e sinais
Limites confusos
Caminhos demorados
Acordar na noite
Bendita escuridão
Sábio silêncio
Nada nos impede
O beijo impetuoso
Quem nos domina
Merece-nos
Assim me julgo
Aqui me acuso

________
Pedro Arunca
2007-11-24

8 comentários:

avelaneiraflorida disse...

E de repente...partir!!!!
Assim, pelo nada, com todas as certezas do momento, e todos os desafios por vencer!!!!
Dá vontade, mesmo...

Bom FIM DE SEMANA!!!

Paula Raposo disse...

Bonito e triste...beijos.

mariacola disse...

Bonito...
Apetece partir.
Partir para onde? Temos que nos levar a nós próprios! Quase sempre... O mais difícil nesta vida é aturarmo-nos a nós próprios.
Eu que o diga!
Bjs
Maria

Alexandra disse...

Este teu dom não te larga!!!

Boa semana!

Bjs

Papoila disse...

Também me apeteceu partir....pensar

Bonitas palavras
Beijos
BF

Litinha disse...

Pedro,
Diz-se no Life's Feelings que o Pedro Arunca até não é um mau blog!...
Convido-te a receber a menção que te foi feita por lá...
Um beijo.

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Fica-te com o apetite...só. Fazes falta aqui;)

Maria disse...

Teu coração ferido, em lágrimas se entorna,
choras!!!
Não te desesperes, contudo!
Olha ali à frente: Milhares e milhares de irmãos
que não têm um teto para o merecido repouso
E, um pouco mais adiante, crianças em
tenra idade,tirando restos de comida do lixo
Para muito deles, o dia claro inda vem
muito longe...
São como aves cegas que não
conhecem o próprio ninho
Cego" é aquele que não vê seu próximo morrer
de frio,de fome, de miséria
E só tem olhos para seus míseros
problemas e pequenas dores
Nas tuas horas de tristeza e dor, lembra-te
que nao é só tu que estás a sofrer
Verás que o teu sofrimento é bem menor
perto de outros